De forma simples e rápida, usuário pode acessar informações de valores investidos, tíquete médio e quantidade de famílias beneficiadas no país, por região, Unidade da Federação e município

Aquantidade de beneficiários e os valores investidos no Auxílio Brasil podem ser acessados de forma ainda mais simples e rápida. O Ministério da Cidadania, desenvolveu e lançou uma ferramenta de consulta sobre o benefício, que em fevereiro pagou mais de R$ 7,1 bilhões a 18 milhões de famílias em todo país.

“O Auxílio Brasil significa mais que uma política de transferência de renda. O programa é inovador, porque oferece trilhas de emancipação aos cidadãos em situação de vulnerabilidade. Quanto mais informações reunirmos e ferramentas para acessá-las desenvolvermos, melhores condições teremos para aperfeiçoar as políticas públicas e mais transparência daremos às ações do Governo Federal”, destacou o ministro da Cidadania, João Roma.

Além dos números gerais do Brasil, há a possibilidade de filtrar e verificar os dados por região, Unidade da Federação e cada um dos 5.570 municípios brasileiros. As informações também incluem o valor do tíquete médio e a comparação com o programa de transferência de renda anterior. Os números do Auxílio Brasil são sempre referentes à folha de pagamento mais recente do benefício.

Favorecendo as gestões tripartites dos governos federais, estaduais, distrital e municipais, o Ministério da Cidadania procura tratar a informação, desenvolver conceitos e ferramentas para auxiliar o trabalho dos gestores públicos e agentes sociais. Informação de qualidade é uma premissa para o desenvolvimento de políticas públicas efetivas e, por isso, esse novo instrumento de consulta do Auxílio Brasil é um rico material também para pesquisas e estudos.

A ferramenta pode ser acessada no endereço eletrônico: cidadania.gov.br/impactoauxiliobrasil 

Diretoria de Comunicação – Ministério da Cidadania